Covid-19: primeiro caso de contaminação com cepa britânica é detectado na Rússia

10 de janeiro de 2021

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

Pela primeira vez a cepa "britânica" do coronavírus foi descoberta na Rússia, disse a chefe do Rospotrebnadzor (Serviço Federal de Bem-Estar Humano), Anna Popova, ao canal Russia 1.

Ela explicou que a mutação do vírus foi identificada durante exames de pessoas que voltaram do Reino Unido.

Em meados de dezembro, soube-se de uma nova mutação do coronavírus Sars-Cov-2 na Grã-Bretanha. Como o conselho consultivo local sobre ameaças virais respiratórias novas e emergentes confirmou mais tarde, a nova cepa está se espalhando mais rapidamente e requer mais cuidado do público.

Apesar de a nova variante do vírus, segundo estimativas preliminares, poder ser 70% mais infecciosa que a usual, nada até agora sugere que tenha uma taxa de mortalidade mais elevada ou que provoque covid-19 mais grave.

Notícias Relacionadas

Fonte

Compartilhe
essa notícia: