Japão impõe sanções adicionais contra quase 400 russos

12 de abril de 2022

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

O Japão impôs sanções adicionais contra 398 pessoas e 28 organizações da Rússia em conexão com a invasão armada da Ucrânia.

Isso foi relatado em um comunicado do Ministério das Relações Exteriores do Japão.

Sanções, em particular, foram impostas aos deputados da Duma Estatal, Comandante-Chefe da Marinha Russa Nikolai Evmenov, Comandante-Chefe das Forças Terrestres Oleg Salyukov, Comandante da Força Aérea Sergei Dronov, bem como, supostamente, a esposa e filha do chanceler russo Sergei Lavrov e filha do presidente russo Vladimir Putin.

Além disso, os ativos do Sberbank e do Alfa-Bank estão sendo congelados, bem como a proibição de novos investimentos na Federação Russa, que a partir de 12 de maio só podem ser feitos com autorizações especiais.

Fontes