Usuários do Caixa Tem reportam muitos problemas técnicos

16 de julho de 2020

A imagem mostra um beneficiário abrindo o aplicativo "Auxilio Emergencial".
Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

Desde da saída da primeira parcela do Auxílio Emergencial, na terça-feira (14), os usuários estão reportando muitos problemas técnicos para usar o auxílio com o aplicativo Caixa Tem. Os usuários também tem encontrado dificuldades na hora de usar o dinheiro em alguns estabelecimentos.

No entanto, os problemas no acesso ao aplicativo têm refletido na vida real. As filas que se formam nas portas das agências do banco se tornaram rotina. A estudante Nathalia de Souza Farias, por exemplo, foi até uma unidade porque encontrou problemas no 'Caixa Tem'.

Para tentar diminuira demanda do aplicativo, a Caixa iniciou a divulgar calendários para pagamento de acordo com os meses de nascimento dos beneficiários; assim, nem todas as pessoas que têm direito ao auxílio emergencial precisariam acessar o aplicativo ao mesmo tempo. Porém não deu certo. A situação para a maioria que necessita movimentar o dinheiro não melhorou.

A Caixa menciona que os problemas enfrentados pelos usuários são causados pela alta demanda. Esta é resposta padrão dada pela empresa toda vez que o aplicativo apresenta alguma instabilidade. No entanto, de acordo com João Ferraz, sócio e diretor do Estúdio Digital da Reamp, empresa especializada em marketing programático, em alguns casos, os motivos para isso "podem ser os mais variados possíveis: a conexão do usuário, o próprio aparelho celular, o seu conhecimento para operar essas ferramentas, o sistema operacional que o dispositivo utiliza, a parte de experiência do usuário (UX) etc., ou seja: é muito variável".

Fontes

Compartilhe
essa notícia: