Retrospecto: Pfizer compra a Warner-Lambert em 2000

9 de fevereiro de 2008

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

A empresa Pfizer comprou a Warner-Lambert, ambas do setor de medicamentos, em 2000 por 116,7 bilhões de dólares em ações.

O motivo da compra foi o remédio para controle de colesterol, Lipitor, no qual as duas empresas já comercializavam em conjunto. A compra se realizou em um momento em que a Warner-Lambert estava prestes a comprar uma outra empresa, a American Home Products Corps, e vendo os riscos, a Pfizer fez a oferta de compra.

A fusão foi bem-sucedida, fazendo o faturamento da Pfizer dobrar após a aquisição, comprar outra empresa do setor, e se tornar a maior companhia do setor farmacêutico.

Atualmente seu crescimento está estagnado em parte por causa do fracasso de algumas drogas experimentais, o preço da ação caiu, e a empresa precisou demitir funcionários, sendo 10 mil só no ano de 2007.

Fontes