Governo da Nigéria suspende atividades do Twitter por tempo indeterminado

4 de junho de 2021

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

O governo da Nigéria suspendeu as atividades do Twitter por tempo indeterminado no país. O motivo, foram supostos ataques do presidente Muhammadu Buhari, que ameaçou supostos responsáveis por conflitos e violência no sudeste do país.

Segundo a AFP, dois dias atrás Buhari utilizou a rede social para atacar um grupo separatista na região. Como houve violação das políticas do site, o Twitter suprimiu o comentário.

Questionado sobre tal atitude, o assessor especial do ministério da Informação e Cultura Segun Adeyemi confirmou o bloqueio. O próprio ministro Lai Mohammed refutou em comentário a imprensa que se a rede social tem políticas e regras, o presidente podia se manifestar sobre os conflitos.

Acusou a plataforma de permitir publicações destes grupos, que segundo Lai, incentivam a violência. A Nigéria é um dos países mais democráticos da África, mas o atual governo é acusado por ONGs e afins de violar direitos humanos.

Em 2019, o Governo aprovou regras mais rígidas para garantir o controle das mídias e combater as notícias falsas, mas segundo informações, o Executivo utiliza este recurso para violar a liberdade de expressão.

O Twitter até agora, não se manifestou.

Fonte