EUA denunciam proibição russa do Meta

23 de março de 2022

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

Os Estados Unidos condenaram a proibição russa do Meta, que tem sido caracterizado como uma organização extremista.

O anúncio foi feito no Twitter pela chefe do serviço de imprensa do Departamento de Estado, Ned Price.

“Condenamos a decisão do Tribunal de Moscou de reconhecer Meta, incluindo Facebook e Instagram, como extremista”, escreveu Price.

Anteriormente, o Tribunal Tverskoy de Moscou satisfez a reivindicação do Ministério Público da Federação Russa e reconheceu as atividades das redes sociais Instagram e Facebook, de propriedade da Meta, como extremistas, proibindo seu trabalho na Rússia.

Fontes