Costa Rica assina financiamento milionário para vacinar 72% de sua população

31 de maio de 2021

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

O governo da Costa Rica assinou com o Banco Centro-Americano de Integração Econômica (CABEI) um financiamento de 80 milhões de dólares para a aquisição de equipamentos e aplicação de vacinas contra COVID-19 a 72% de sua população.

Diante do aumento da curva de contágio, o país centro-americano tem trabalhado intensamente para melhorar o acesso às vacinas para todos os seus habitantes.

Segundo nota de imprensa, o objetivo do empréstimo é "garantir as finanças públicas do país e uma economia de cerca de 2,7 milhões de dólares por ano".

Em sua conta no Twitter, o presidente da Costa Rica, Carlos Alvarado, justificou a dívida, afirmando que o país está "trocando dívidas caras por dívidas baratas" para proteger a saúde da população.

O Presidente Executivo do CABEI, Dante Mossi, explicou que o financiamento exigirá a aprovação do Congresso da Costa Rica e que faz parte do Programa de Apoio e Preparação para Emergências do COVID-19.

Mossi também destacou que, com o dinheiro, o país centro-americano busca inocular cerca de 3,7 milhões de habitantes e que a ajuda faz parte de seu programa de reativação econômica destinado aos países membros do Sistema de Integração Centro-Americana (SICA).

Fontes