Coreia do Norte anuncia teste com bomba de hidrogênio

Agência Brasil

3 de setembro de 2017

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

A Coreia do Norte disse que seu sexto teste nuclear foi um "sucesso perfeito", horas depois que os sismólogos detectaram um tremor na terra. Pyongyang confirmou que havia testado uma bomba de hidrogênio - um dispositivo muitas vezes mais poderoso que uma bomba atômica. O novo experimento atômico ocorreu hoje (3) por volta das 12h30 (horário local, 0h30 em Brasília).

Analistas dizem que as reivindicações devem ser tratadas com cautela, mas sua capacidade nuclear está claramente avançando.

A Coréia do Norte realizou um teste nuclear pela última vez em setembro de 2016. Ela desafiou as sanções da ONU e a pressão internacional para desenvolver armas nucleares e testar mísseis que poderiam potencialmente atingir o continente americano.

Autoridades sul-coreanas disseram que o último teste foi realizado no condado de Kilju, onde está localizado o local de testes nucleares de Punggye-ri, no norte

Sua bomba atômica mais potente até o momento, um artefato termonuclear ou bomba H, que, segundo o regime, pode ser instalado em um míssil intercontinental. Se confirmado, isso representa um importante e perigoso aumento de suas capacidades militares. O sexto experimento nuclear norte-coreano e segundo supostamente realizado com um artefato termonuclear culmina um período de frenética atividade armamentista por parte do regime de Kim Jong-un, após testar mais de uma dezena de mísseis balísticos desde o começo do ano, entre eles dois intercontinentais.

Fontes