COVID-19: mortes já passam de 400 mil no mundo todo

7 de junho de 2020

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

A JHU anunciou no início desta manhã o novo número atualizado do total de fatalidades por COVID-19 no mundo todo: 400.290. O dado revela que foram, portanto, mais de 100 mil óbitos em menos de 30 dias, já que a universidade havia anunciado 300.074 mortes no dia 14 de maio passado.

Os três países com mais mortes atualmente são os Estados Unidos, com 109.802 fatalidades, o Reino Unido, com 40.548, e o Brasil, com 35.930. No caso do país latino-americano, o governo anunciou na sexta-feira passada (05) uma recontagem no número, o que provocou críticas do CONASS, o Conselho Nacional das Secretarias da Saúde, que escreveu que "repudia com veemência e indignação as levianas afirmações do Secretário de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos do Ministério da Saúde, Carlos Wizard, ao afirmar que secretários de Saúde falseiam dados sobre óbitos decorrentes da Covid-19 em busca de mais 'orçamento'."

O número de infecções também cresceu. Eram 4.399.550 casos confirmados em 14 de maio e hoje são 6.923.836, o que mostra um aumento de mais de 2,5 milhões em cerca de três semanas.

Notícia Relacionada

Fontes