Austrália confirma morte de menino de 7 anos em atentado de Barcelona

20 de agosto de 2017

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

A família de um menino de sete anos desaparecida desde o ataque terrorista de Barcelona na semana passada confirmou no domingo que ele havia morrido e prestou homenagem ao estudante "enérgico, engraçado e atrevido" que sempre trazia "um sorriso em nossos rostos".

Julian Cadman, que tinha dupla nacionalidade britânico-australiana, estava desaparecido desde o ataque na quinta-feira. Sua família confirmou no domingo que ele estava entre as 13 pessoas mortas em Barcelona.

“Julian era um membro muito amado e adorado de nossa família. Enquanto ele apreciava as vistas de Barcelona com sua mãe, Julian foi tristemente tirado de nós ”, disseram eles em comunicado divulgado pelo Departamento de Relações Exteriores e Comércio da Austrália.

Com a identificação do menino, que estava em Barcelona junto à mãe, chega a 12 o número de mortos identificados entre os 14 deixados pelo atropelamento em massa causado por jihadistas na quinta-feira passada. A mãe do menino, Jom Cadman, está hospitalizada em Barcelona.

Fontes

Compartilhe
essa notícia: