Ao receber Xanana Gusmão, Dilma Rousseff diz que Brasil quer ajudar Timor-Leste a se desenvolver

Agência Brasil

Presidenta Dilma recebe o primeiro-ministro e ministro da Defesa do Timor-Leste, Xanana Gusmão Foto:Antonio Cruz/ABr

Brasília • 4 de março de 2011

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

A presidenta Dilma Rousseff recebeu ontem (3) a primeira visita oficial de uma autoridade estrangeira, o primeiro-ministro do Timor-Leste, Xanana Gusmão. Depois de manter reunião privada com Xanana, ela afirmou que o Brasil quer ajudar o Timor-Leste “a superar o desafio do desenvolvimento econômico e da democracia”.

A presidenta lembrou que Brasil e Timor-Leste têm hoje 12 projetos em execução na área de cooperação técnica e outros 12 em negociação. Dilma citou a renovação do projeto que dá continuidade à formação de professores e o ensino de português por professores brasileiros enviados a Díli, capital do país.

Xanana agradeceu o apoio brasileiro e afirmou estar empenhado em manter a unidade no Timor Leste, que já enfrentou vários conflitos, e fazer o país avançar.

O Timor-Leste é o único país da Ásia e Oceania que tem o português como uma das línguas oficiais por ter tido Portugal como um dos países colonizadores.

Xanana está no Brasil em visita oficial entre os dias 2 a 5 de março, acompanhado de dois ministros (Educação e Negócios Estrangeiros) e de um secretário (Segurança).

Depois da visita a Brasília, ele segue para São Paulo, onde terá agenda hoje (4) e amanhã (5).

Fontes