Adobe vai adquirir a Macromedia por 3,4 bilhões de dólares

Attention niels epting.svg
Como parte da política de proteção do Wikinotícias, esta notícia está protegida.

18 de abril de 2005

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

A Adobe Systems Inc. anunciou hoje que irá adquiri a Macromedia Inc. por cerca de 3,4 biliões de dólares em ações. Bruce Chizen, o executivo chefe (CEO) da Adobe disse que "os clientes estão a clamar por soluções de software integradas que permita a eles criar, gerenciar e entregar uma ampla e desafiadora variedades de aplicações e contéudo, desde documentos e imagens até áudio e vídeo. Através da combinação de nosso poderoso software de desenvolvimento, autoria e colaboração, junto às funcionalidades complementares do PDF e do Flash, a Adobe tem a oportunidade de trazer à vida esta visão com uma consolidada plataforma tecnológica da indústria."

Espera-se que a aquisição ocorra próximo ao outono. Ele dependerá da aprovação dos acionistas de ambas as companhias, assim como da aprovação de documentos regulatórios. Pelos termos do acordo, a Macromedia ficará com 0,69% das ações da Adobe, para cada ação compartilhada da Macromedia. Os acionistas da Macromedia esperam obter 18% da companhia após a fusão.

As duas companhias já foram rivais no passado e alguns dos produtos delas competem em nichos parecidos. Como por exemplo, tanto o Adobe Photoshop quanto o Macromedia Fireworks são programas de edição gráfica, e tanto o Adobe GoLive quanto o Macromedia Dreamweaver servem para o desenvolvimento de websites.

Após a fusão, continuará no cargo o atual CEO da Adobe, que será o CEO da nova companhia. Stephen Elop, o atual presidente e CEO da Macromedia se tornará presidente do campo de operações internacionais. A companhia que surgirá após a fusão manterá o nome atual "Adobe" e se concentrará na integração e crescimento.

Mais detalhes sobre podem ser obtidos na página Adobe Investor Relations.

Fontes

Página externa