Wikimedia e ICOM formam parceria para documentar cultura afegã

27 de setembro de 2021

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

A Wikimedia CH e o Conselho Internacional de Museus (ICOM) anunciaram no dia 21 passado uma parceria para documentar o patrimônio cultural do Afeganistão, que está em risco de saques e tráfico ilegal, após o Taliban assumir o poder no país semanas atrás. "Vândalos e ladrões lucrarão com a instabilidade [política] para roubar ou destruir o patrimônio cultural por uma variedade de razões, incluindo ganho pessoal ou motivação política. Para protegê-lo, precisamos trabalhar juntos – e todos podem ajudar, até mesmo de seu laptop", diz o texto divulgado no website do ICOM.

O convite partiu do ICOM e a Wikimedia CH criou uma página especial, chamada Afghanistan Cultural Heritage at Risk, para mais informações.

Para ajudar, os usuários dos projetos Wikimedia podem adicionar fotos na Wikimedia Commons que estejam em domínio público ou disponíveis sob uma licença CC-BY-SA ou mesmo criar, reescrever e traduzir artigos sobre o assunto na Wikipédia.

Uma lista preliminar de categorias de objetos em risco foi divulgada pelo ICOM e pode ser acessada aqui.

Notícias RelacionadasEditar

 
Esta notícia contém reportagem original de um Wikicolaborador.

FontesEditar