Policial que tentou prender Boulos é bolsonarista, diz campanha

26 de setembro de 2022

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

Waldson Ferreira, policial militar que aparece em um vídeo gravado durante conflito entre apoiadores de Guilherme Boulos (PSOL) e um integrante do Movimento Brasil Livre, de direita conservadora, é apoiador de Jair Bolsonaro (PL), afirmou a candidatura de Boulos.

Segundo O Globo, nas redes sociais o policial curtia páginas de apoio ao candidato à reeleição e já publicou o lema de campanha "Brasil acima de tudo. Deus acima de todos". Boulos afirmou que "os policiais foram instrumentalizados por candidatos de direita para me constranger e gerar um fato político favorável aos bolsonaristas".

Ainda segundo a campanha de Boulos, o rapaz de 15 anos integrava seu grupo de apoio no aplicativo de mensagens WhatsApp:

“O militante do MBL Pedro Arthur, que alegou falsamente ter sido agredido por Guilherme Boulos neste domingo (25), entrou em um grupo de Whatsapp da campanha do candidato no PSOL no mês de setembro. Nele, buscava saber onde Boulos estaria em agenda sob a alegação de querer vê-lo presencialmente. Essa não é a primeira vez que Arthur aciona a campanha de Boulos. Em 2020, o militante do MBL procurou a assessoria de imprensa da campanha solicitando uma entrevista e chegou a parabenizar o candidato pelo resultado nas eleições à Prefeitura de São Paulo.”

Em resposta, os responsáveis pelo rapaz afirmaram que o objetivo “era encontrar Boulos e questioná-lo politicamente, tendo agido de forma independente, sem conhecimento do MBL”.

O MBL publicou a seguinte nota: “Não estávamos ciente das atividades de Pedro Arthur no WhatsApp, mas não há nenhuma irregularidade em participar de grupos que se dizem democráticos e abertos ao diálogo. Tentar insinuar uma 'provocação' ou 'armação' para justificar as agressões contra o jovem de 15 anos apenas explana a natureza ditatorial desse partido”.

Fontes

  • ((pt-br)) Campanha de Boulos: PM que tentou prender candidato apoia Bolsonaro nas redes sociais; vídeo — O Globo. Página visitada em 27 de setembro de 2022 <span title="ctx_ver=Z39.88-2004&rfr_id=info%3Asid%2Fpt.wikinews.org%3APolicial+que+tentou+prender+Boulos+%C3%A9+bolsonarista%2C+diz+campanha&rft.au=&rft.btitle=Campanha+de+Boulos%3A+PM+que+tentou+prender+candidato+apoia+Bolsonaro+nas+redes+sociais%3B+v%C3%ADdeo&rft.date=Erro Lua em Módulo:ISO na linha 17: attempt to index local 'input' (a nil value).&rft.genre=unknown&rft.pub=O+Globo&rft_id=https%3A%2F%2Foglobo.globo.com%2Fpolitica%2Feleicoes-2022%2Fnoticia%2F2022%2F09%2Fguilherme-boulos-equipe-aponta-pm-que-tentou-prender-candidato-como-bolsonarista.ghtml&rft_val_fmt=info%3Aofi%2Ffmt%3Akev%3Amtx%3Abook" class="Z3988"> 
  • ((pt-BR)) renatasouza. Integrante do MBL confirma que estava em grupos pró-Boulos e diz que objetivo era questioná-lo — CNN Brasil. Página visitada em 27 de setembro de 2022 <span title="ctx_ver=Z39.88-2004&rfr_id=info%3Asid%2Fpt.wikinews.org%3APolicial+que+tentou+prender+Boulos+%C3%A9+bolsonarista%2C+diz+campanha&rft.au=renatasouza&rft.btitle=Integrante+do+MBL+confirma+que+estava+em+grupos+pr%C3%B3-Boulos+e+diz+que+objetivo+era+question%C3%A1-lo&rft.date=Erro Lua em Módulo:ISO na linha 17: attempt to index local 'input' (a nil value).&rft.genre=unknown&rft.pub=CNN+Brasil&rft_id=https%3A%2F%2Fwww.cnnbrasil.com.br%2Fpolitica%2Fintegrante-do-mbl-confirma-que-estava-em-grupos-pro-boulos-e-diz-que-objetivo-era-questiona-lo%2F&rft_val_fmt=info%3Aofi%2Ffmt%3Akev%3Amtx%3Abook" class="Z3988">