19 de novembro de 2023

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

Javier Milei é eleito presidente da Argentina. Isto foi confirmado por Sergio Massa, com quem disputou hoje o segundo turno das eleições.

Antes dos resultados provisórios do segundo turno presidencial na Argentina começarem a ser divulgados, o candidato peronista Sergio Massa reconheceu a sua derrota e felicitou o seu rival, o economista de extrema-direita Javier Milei, pela sua vitória.

“Os resultados não são os que esperávamos e entrei em contato com Milei para parabenizá-lo porque ele é o presidente que a grande maioria elegeu para os próximos quatro anos”, disse Massa a seus seguidores no comando de sua campanha. “Fiz isso convencido de que o mais importante é a mensagem de que a convivência e o diálogo é o caminho que devemos seguir”.

O novo presidente tomará posse em 10 de dezembro.

Com 86,59% das mesas apuradas, Milei vence o partido governista de Sergio Massa por 55,95% dos votos contra 44,04%.

O anúncio foi feito por Julio Vitobello, secretário-geral da Presidência. “Parabéns ao povo argentino por mais um dia democrático e de transparência”, comemorou.

Há alguns minutos há euforia no centro de comando de Javier Milei, localizado no centro da cidade de Buenos Aires.

Milei acumulou uma série de polêmicas, como acabar com o Banco Central Argentino e diversos ministérios, dolarizar a economia, encerrar a parceira com Brasil e China.

Fontes editar