Iêmen: quase 200 morrem em novos combates perto de Marib

4 de janeiro de 2022

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

Segundo a agência de notícias VOA, cerca de 200 combatentes foram mortos em novos confrontos perto da cidade de Marib, no Iêmen. Os rebeldes teriam sido mortos em ataques aéreos da coalizão liderada pelo governo da Arábia Saudita e em confrontos com forças pró-governo, disseram fontes militares e médicas. Entre os mortos, estariam ao menos 175 Houthis.

A Brigada de Gigantes pró-governo, coalizão apoiada pela Arábia Saudita e os Emirados Árabes Unidos, luta há quase sete anos em apoio ao governo do Iêmen contra os Houthis, na chamada Guerra Civil do Iêmen, que já levou ao deslocamento de milhões de pessoas, numa das consideradas piores crises humanitárias do mundo.

O aumento da violência na região vem após os rebeldes intensificaram seus esforços para tomar Marib, capital de província que é o último reduto do governo no norte. “Nas últimas semanas, assistimos a outro pico com a multiplicação dos ataques aéreos sauditas ao território rebelde, enquanto os Houthis aumentaram os ataques com mísseis e drones”, reportou a VOA.

Fontes