Guerra na Ucrânia: Nike decide encerrar todos os negócios na Rússia

23 de junho de 2022

Email Facebook Twitter WhatsApp Telegram

 

A Nike, empresa sediada nos Estados Unidos, mas com negócios em todo o mundo, anunciou que está deixando o mercado russo totalmente. Em março a marca já havia suspendido as vendas online e fechado temporariamente suas lojas no país e no mês passado tinha anunciado que não renovaria o contrato com o seu franqueado local, a Inventive Retail Group (IRG).

Segundo a empresa, a decisão foi tomada devido à guerra iniciada pelos russos contra a Ucrânia há cerca de três meses.

Debandada

Centenas de empresas optaram por deixar a Rússia como forma de protesto contra a guerra iniciada por Putin, entre elas, a L'Oreal, Unilever, Starbucks, Coca-Cola, Pepsi, McDonald's, Boeing e Apple.

Notícias relacionadas

Fontes