União Europeia condena veementemente ciberataque contra a Ucrânia: diferenças entre revisões

sem resumo de edição
m (Protegeu "União Europeia condena veementemente ciberataque contra a Ucrânia": Arquivo de Notícias ([Editar=Permitir apenas administradores] (indefinidamente) [Mover=Permitir apenas administradores] (indefinidamente)))
Sem resumo de edição
{{Infotabela Ucrânia}}{{data|15 de janeiro de 2022}}
 
A [[:Categoria:União Europeia|União Europeia]] (UE), através de uma Declaração do Alto Representante, condenou veementemente o ''[[w:Ciberataque|ciberataque]]'' contra a Ucrânia, perpetrado ontem. "Este ataque cibernético contra os sites do governo ucraniano é inaceitável. Tais ações visam desestabilizar a Ucrânia e espalhar desinformação e podem contribuir para uma maior escalada da situação já tensa", diz o texto da Declaração.
 
 
{{Opine}}
== Notícias Relacionadas ==
 
== Notícias Relacionadas ==
* [[Polônia e Bielorrússia estão à beira de um conflito devido à migração ilegal]]
* [[Presidente da Comissão Europeia visita Lituânia em meio à crise de fronteiras com Belarus]]
 
== Fontes ==
 
* {{Fonte|idioma=en|url=https://www.consilium.europa.eu/en/press/press-releases/2022/01/14/ukraine-declaration-by-the-high-representative-on-behalf-of-the-european-union-on-the-cyberattack-against-ukraine/|título=Ukraine: Declaration by the High Representative on behalf of the European Union on the cyberattack against Ukraine|pub=Council of the EU and the European Council|data=14 de janeiro de 2022}}{{Ambox|texto=Conforme [https://www.consilium.europa.eu/en/about-site/copyright/ Copyright] no portal da UE, "a reprodução é autorizada, desde que o Conselho da UE seja sempre reconhecido como a fonte original do material, salvo indicação em contrário e que o significado original ou a mensagem do conteúdo não sejam distorcidos".}}
 
{{Mídias sociais}}
 
 
{{Arquivada}}
[[Categoria:Crimes informáticos]]
[[Categoria:Internet]]