Exército do Azerbaijão assume controle de Shusha, segunda maior cidade de Carabaque: diferenças entre revisões

m
sem resumo de edição
[edição verificada][edição verificada]
(Criou a página com "{{Infotabela Ásia}} {{data|8 de novembro de 2020}} O presidente do {{p|Azerbaijão}}, Ilham Aliyev, disse que o exército do país assumiu o controle da cidade de Shusha e...")
 
mSem resumo de edição
{{data|8 de novembro de 2020}}
 
O presidente do {{p|Azerbaijão}}, Ilham Aliyev, disse que o exército do país assumiu o controle da cidade de Shusha em {{p|Carabaque}}. "A cidade de Shusha foi libertada da ocupação", disse Aliyev em seu discurso ao povo, transmitido pelo canal de TV estatal AZTV .
 
Por sua vez, o representante do Ministério da Defesa da {{p|Armênia}}, Artsrun Hovhannisyan, disse que a luta ainda continua.
 
Shusha é a segunda maior cidade da não reconhecida República de Nagorno-Carabaque ({{p|Artsaque}}). Anteriormente, Artsaque relatou que houve "combates pesados" perto de sua fronteira e bombardeios azerbaijanos.
 
O Ministério das Relações Exteriores da Armênia considerou as ações de {{p|Baku}} um crime de guerra. Diplomatas azerbaijanos responderam apontando para o bombardeio na cidade de Barda, que matou pelo menos 19 pessoas.