Ebola: governo e Nações Unidas declaram Mali livre da doença: diferenças entre revisões

m
BOT: Mudanças Triviais
[edição verificada][edição verificada]
m (Arquivando...)
m (BOT: Mudanças Triviais)
 
|tema=
}}
O governo do Mali e as Nações Unidas anunciaram nesse domingo (18) que o país está livre do ebola após terem sido registrados 42 dias sem novos casos confirmados do vírus. "Declaro este dia o dia do fim do vírus do Ebola no Mali", disse o ministro da Saúde do país, Ousmane Kone. Seis pessoas morreram no país devido à doença. O chefe da delegação das Nações Unidas no país, Ibrahima Soce Fall, confirmou a informação do governo do Mali.
 
Na quinta-feira (15), a Organização Mundial da Saúde expressou otimismo em relação a indicadores recentes que demonstravam uma queda nos novos casos de infecção pelo ebola nos três países da África Ocidental mais atingidos pelo vírus: Guiné-Conacri, Libéria e Serra Leoa. No total, 21.296 pessoas foram infectadas desde o início do surto, há cerca de um ano, tendo 8.429 delas morrido, de acordo com os dados mais recentes.
== Fontes ==
 
* {{fonte
|data= 19/01/2015
|idioma=pt
{{Arquivada}}
 
[[Categoria: Ebola]]
[[Categoria: África]]