Indígenas de vários países se reúnem na Rio+20 para apresentar propostas estratégicas: diferenças entre revisões

Adicionar informações
(+{{Agência Brasil}})
(Adicionar informações)
{{Contrib-ABr}}
{{origem|data= 13 de junho de 2012|local={{w|Brasil}}}}
{{Infotabela Brasil}}
 
{{origem|data= 15 de junho de 2012|local={{w|Brasil}}}}Paralelamente à [[:w:Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável|Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável]], a Rio+20, cerca de mil [[:w:índios|índios]] de várias etnias e países estarão reunidos para debater as questões que angustiam os chamados povos originais. Confirmaram presença representantes da [[:w:Nigéria|Nigéria]], do [[:w:Japão|Japão]] e do [[:w:Canadá|Canadá]], além dos brasileiros. Os índios ficarão em uma aldeia urbana denominada Kari-Oca, em [[:w:Jacarepaguá|Jacarepaguá]], na zona oeste do [[:w:Rio de Janeiro (cidade)|Rio de Janeiro]].
 
Até o dia 22 de junho de 2012, os líderes indígenas deverão debater questões relativas ao meio ambiente e ao combate à pobreza. A Kari-Oca é formada por alojamentos, refeitório e cinco tendas para a discussão de temas e atividades culturais, além de duas [[:w:oca|oca]]s tradicionais de povos do [[:w:Alto Xingu|Alto Xingu]] - erguidas com vigas de madeira levadas pelos índios.
 
{{opine}}
{{notícia em desenvolvimento}}
 
== Fontes ==
{{Agência Brasil}}
 
<!--{{Publicado}}-->
<!-- Esse comentário será removido apenas quando um editor ou crítico revisar a notícia-->
<!--{{Publicado}}-->
 
[[Categoria:Meio-ambiente]]
[[Categoria:Política e conflitos]]