Diferenças entre edições de "Chuvas castigam a região serrana do Rio de Janeiro"

m
sem resumo de edição
m
m
{{Contrib-ABr}}
{{data|14 de janeiro de 2011}}
Com as chuvas constantes dos últimos dias na {{W|Região Serrana}} do {{W|Rio de Janeiro}}, ocorreram muitos deslizamentos de terra, provocando mortes e destruição em várias cidades. {{W|Nova Friburgo}}, {{W|TeresópolisPetrópolis}}, {{W|Sumidouro (Rio de Janeiro)|Sumidouro}} e {{W|PetrópolisTeresópolis}} são as cidades mais atingidas. Este já é considerado o maior desastre natural em número de óbitos da história do {{W|Brasil}}, o número de mortes confirmadas pela Defesa Civil devido às chuvas na região serrana do Rio já supera 500, depois de três dias de resgate. Segundo as autoridades, o número deve ser ainda maior porque há locais que foram bastante atingidos e que permanecem praticamente ilhados, sem acesso pelas equipes de resgate.
 
Durante a madrugada de hoje (14), o trabalho de buscas foi mantido apenas em Nova Friburgo. Nos municípios de Teresópolis e Petrópolis as buscas foram interrompidas por causa da falta de iluminação e devido à chuva que caiu durante a madrugada, mas os serviços já foram retomados no início da manhã de hoje. Alguns bairros desses municípios continuam sem luz e sem água e boa parte do comércio permanece de portas fechadas.
101

edições